The Continental Economics Institute Aulas Online
A Macroeconomia de Kalecki
Podcasts do Antony Mueller e mais recursos
A Macroeconomia de Kalecki
Aulas de Antony Mueller UFS 2009/I

A Macroeconomia de Kalecki - Introdução -

Contextualização da Macroeconomia de
Kalecki

Kalecki's Teoria de Investimentos

Kalecki's Teoria Macroeconômica e o
Moderno Ciclo de Negocios

Estrutura Básica do Modelo Macroeconômico
kaleckiano

Kalecki's Teoria Macroeconômica - Resumo
Podcasts sobre a teoria macroeconomica de Michal Kalecki
do Professor Dr. Antony Mueller
Apostila "A Macroeconomia de Kalecki"
Resumo da teoria macroeconômica de
Kalecki
Fórmulas básicas do modelo kaleckiano
Mais Recursos Macroeconomia de Kalecki

- Teoria da Dinâmica Econômica

- Keynes e Kalecki: Convergências sobre as
teorias do investimento e da distribuição da renda

- Kalecki on the causes of unemployment and
policies to achieve full employment

- Political Aspects of Full Employment
Podcasts Dinâmica Macroeconômica
Aulas
2011/1 - Parte II - A Teoria
Macroeconômica de Kalecki e dos
Pós-Keynesianos

- Contextualização da Teoria Macroeconômica
de Kalecki I

- Contextualização da Teoria Macroeconômica
de Kalecki II

- Introduçaõ ao Modelo Macroeconômico de
Kalecki
Mais Recursos
Kalecki
Pós-Keynesianismo
Data Show
A Macroeconomia de Keynes e de Kalecki
Data Show
"Modern Monetary Theory"
As raízes kaleckianas da Teoria "moderna"
monetária
Aulas 2013 A teoria macroeconômica de
Keynes e Kalecki

Introdução à modelo macroeconômico keynesiano

A cruz keynesiana

Determinação da renda nacional

Política macroeconômica keynesiana - ISLM

A Macroeconomia de Keynes e Kalecki

Fundamentos da teoria macroeconômica de Michal
Kalecki
Outline of the structure of Michal Kalecki’s
macroeconomic model in comparison to the
Modern Monetary Theory (MMT)
Publications MISES USA

Publicações MISES BRASIL

Veröffentlichungen MISES DEUTSCHLAND

Publicações INSTITUTO ROTHBARD

Publicações ORDEM LIVRE

Publications AIER

Publications FEE
EMENTA
ANÁLISE MACROECONÔMICA III

Teorias do crescimento econômico. Patologias
macroeconômicas, crises econômicas,
monetárias e financeiras. Inflação e deflação.
Política fiscal e monetária e suas limitações.
Distribuição de renda e de patrimônio. Análise
de problemas macroeconômicas da atualidade.
Debates da macroeconomia.

OBJETIVOS
1.        GERAL
Capacitar o estudante entender e trabalhar com
os modelos de crescimento econômico e da
política econômica fiscal e monetária.
Capacitar o estudante de elaborar análise
macroeconômica

2.        ESPECÍFICOS
Familiarizar o participante com os métodos da
análise dos problemas macroeconômicos da
forma sistemática e crítica. Habilitar o
estudante aplicar os instrumentos da análise
macroeconômica.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

I.        Introdução
1. Procedimentos
2. Modelos macroeconômicos

II.        Parte I - Crescimento Econômico

1.        Análise empírica e dos dados do
crescimento econômico
2.        Poupança e investimentos (armadilha da
pobreza)
3.        Acumulação de capital
4.        Progresso tecnológico
5.        Progresso tecnológico, salários e
emprego

III.        Patologias Macroeconômicas
1.        Conjuntura econômica
2.        Depressões e crises
3.        Teoria quantitativa da moeda
4.        Hiperinflação – Deflação
5.        Senhoriagem

IV.        Política macroeconômica
1.        Conceitos da política monetária
2.        Política monetária
3.        Política fiscal e orçamental
4.        A política macroeconômica em debate

V.        Atualidades macroeconômicas
1.        Macroeconomia brasileira no contexto

VI.        Conclusão

METODOLOGIA
1. Método: expositivo-dialógico
2. Procedimentos didáticos:
      -        Estudos dirigidos em sala de aula
      -        Trabalhos de pesquisa
      -        Exercícios analíticos
      -        Leituras reflexivas
      -        Analise de exemplos
      -        Temas de atualidade       

RECURSOS DIDÁTICOS
1.        Apresentações
2.        Leitura crítica
3.        Modelagens
4.        Discussões orientadas
5.        Trabalhos acadêmicos
6.        Apostilas
7.        Data shows
8.        Áudio podcasts
9.        Palestras
10.        Vídeo clips
___________________________________________________________________________________
FORMA DE AVALIAÇÃO

Três provas obrigatórias, um trabalho opcional,
participação na aula, frequência de presença
nas aulas. Uma (!) prova de recuperação e
substituição com todo (!) o conteúdo.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1.        REFERÊNCIAS BÁSICAS:
Livro de texto padrão:
Olivier Blanchard: Macroeconomia. Pearson
Education do Brasil. 7ª edição 2017
Cap.: 10-13; 22-23; 24-27
N. Gregory Mankiw: Macroeconomia. Editora
LTC. 10ª. Edição 2021
Cap. 4, 6,12,18

2.        REFERÊNCIAS COMPLEMENTARES:

Leda Paulani e Marcio Bobik:  A Nova
Contabilidade Social: Uma Introdução à
Macroeconomia (2020)
Geraldo Sandoval Góes e Sérgio Ricardo de
Brito: Macroeconomia (2019)
Marco Antônio Gama: Macroeconomia
Brasileira (2020)
Dornbusch, R e Fischer,S. (2013).
Macroeconomia (2013)

3.        RECURSOS ADICIONAIS
www.economianova.blogspot.com

https://www.amazon.com/ANTONY-P.-
MUELLER/e/B07BHF4RG8

The "Debacle of Economic Stabilization Policies"
explains how the great economic eruptions
happen when the government and the central bank
do not allow the small economic fluctuations to
play out. The authorities hinder the return to a
balance when false incentives and distorted
market signals persist. When capital becomes
scarcer, the interest rate should rise to signal this
change. If, however, the central bank attempts to
pump more money into the systems and to lower
the interest rate, this policy will cover up the capital
shortage. Cheap credit insinuates a profusion of
funds that do not exist. Economic policy claims to
stabilize the economy and keep it on its growth
path. For that purpose, economic policy is said to
pursue the aims to fight inflation and deflation, to
prevent recessions and depressions and to
promote economic growth. Yet, often, these
policies themselves produce what the
policy-makers claim to prevent and to cure.

Buy
here


O livrinho "Fundamentos do Anarco-Capitalismo"
explica porque a hora chegou de abandonar os
mitos sobre o Estado, a política e a economia. O
moderno sistema político-partidário não é nem
democrático nem benéfico para o povo. Os
parlamentos não são representativos.
O atual sistema monetário internacional não
promove a prosperidade. Para sair desses
enigmas, mais Estado e mais política não
ajudarão. Precisamos de uma sociedade livre e
de uma economia livre.
Um passo decisivo para alcançar esse objetivo é
acabar com as eleições políticas. A tecnologia
moderna permite a escolha de representantes por
seleção aleatória. Uma assembleia legislativa
cujos membros tomam posse por sorteio custaria
menos que um sistema eleitoral, seria mais
representativa e, nesse sentido, seria muito mais
democrática. Com o tempo de serviço limitado,
os representantes retornariam à sua vida civil
depois dois anos e a legislação estaria livre dos
males que acompanham o atual sistema de
partidos políticos e seus políticos, cujo objetivo
principal é o carreirismo e não a prosperidade do
povo.

Compre
aqui